Imprimir

Dia 25

Finalmente, o Inverno passou e a Primavera chegou, com sol e ar puro, desejos de novidade. O sangue ferve-vos nas veias: querem viver, conhecer, expandir-vos, voar e alargar os vossos horizontes.

Fora de vós, a vida é uma explosão: as flores e os animais cantam uma sinfonia de beleza, a vós dedicada pelo Autor da vida e criador do Universo. Deixem-se surpreender por ela e participem, apreciando a beleza das criaturas e a bondade da criação. Não se refugiem na ilusão do virtual, no som ensurdecedor ou na imagem arrebatadora, que mais que fazer crescer em vós o sentido da beleza, o atrofiam e matam. Olhem à vossa volta com olhos de ver. E deixem que o bem e a beleza das pessoas e das coisas vos ajudem a crescer. Desenvolvam as atitudes positivas, o apreço e a generosidade, para vencerem os desafios do vosso quotidiano. Só assim poderão pintar com as cores da Primavera a vossa vida, a começar pela escola, pela vossa família, pelo vosso círculo de amigos e conhecidos. Em Maio, as flores vão trazer-vos mais alegria e beleza.

A Primavera é espelhada de flores magníficas, coloridas, belas, mas em Maio uma sobressai sobre todas as outras… A flor que nos foi dada por Jesus…

“Junto à cruz de Jesus estavam, de pé, sua mãe e a irmã da sua mãe, Maria, a mulher de Cléofas, e Maria Madalena. Então, Jesus, ao ver ali ao pé a sua mãe e o discípulo que Ele amava, disse à mãe: «Mulher, eis o teu filho!» Depois, disse ao discípulo: «Eis a tua mãe!». E, desde aquela hora, o discípulo acolheu-a como sua.”
João 19, 25-27

Uma flor que é Mãe, que é a nossa mãe…

A flor da protecção, a flor da educação, a flor do exemplo, a flor da esperança, a flor da fé, a flor do sim, a flor da coragem, a flor das graças, a flor do caminho…

Deixem que estas flores, que só um grande amor pode alimentar, cresçam e floresçam nos canteiros da vossa vida, semeando assim alegria e o perfumando de bem os dias, os meses e os anos do vosso viver.

Encontrem Maria no vosso coração e rezem uma dezena.

 

Pensa um pouco:

“O cristão acolhedor é um verdadeiro dom para a Igreja, porque a Igreja é Mãe e uma mãe acolhe a vida e a acompanha”

Papa Francisco

Audiência com a Família Vicentina

Vaticano, 15 outubro 2017

Visitas

608425
HojeHoje417
TotalTotal608425