Imprimir

Ano Pastoral 2018-2019

"Animado pelo Espírito, faz-te à Missão!"

 

Ao longo do passado ano pastoral fomos convidados a Escutar a voz de quem chama, procurando compreender a relação que os jovens estabelecem com a fé, o discernimento e a vocação. “Não temas, Escuta-O onde Ele te chama!” foi o tema que nos lançou um grande desafio formativo e espiritual de encontro com Deus e com os outros e que nos revelou que a Missão é a vocação universal do cristão. É através da missão que a fé se revigora (São João Paulo II), se faz permanecer jovem!

Enquanto jovens da JMV sabemos que o carisma missionário é de extrema relevância no compromisso cristão. Ser cristão é ser missionário e sem medo assumimos o apelo do Papa Francisco no Dia Mundial das Missões 2018, gritando ao mundo “Eu sou uma missão nesta terra e para isso estou neste mundo”. Partindo pois da premissa de que somos missão na terra e do apelo da Conferência Episcopal em celebrarmos de outubro de 2018 a outubro de 2019 um Ano Missionário, a JMV propõe-se também a viver este dom da Missão e a revigorar o carisma missionário do nosso movimento com a força que nos vem do Espírito Santo.

“Animado pelo Espírito, faz-te à Missão!” é o tema proposto para o próximo ano pastoral, tendo como objetivo revigorar o compromisso missionário de todos, abrindo-nos sem medo à ação Espírito Santo. O mesmo Espírito que com Deus Pai criou o mundo e o Homem (Gn1, 2; Gn2, 7). O mesmo Espírito que falou pelos profetas e que transformou pequenos homens em grandes reis (1Sm 16, 13). O mesmo Espírito que concebeu Jesus (Lc1, 35) e que animou Cristo em iniciar a sua missão (Lc 4, 14). O mesmo Espírito que levou o medo e que pela sua ação encheu os Apóstolos de coragem a anunciar o Evangelho (Act1, 5-8; Act 2, 4). É este mesmo Espírito que convidamos todos os jovens a conhecer e a abrir os seus corações à sua ação, para que possam ir ao encontro do outro e a ser Igreja.

O Papa Francisco recorda-nos que este “(…) Espírito não só te impele a proclamar as verdades do Senhor e a vida do Senhor, mas impele-te também para os irmãos, para as irmãs, para servi-los.» (Papa Francisco, 2018). Falamos pois de um Espírito missionário que nos dispõe ao serviço dos outros, pois é nele que renovamos o nosso encontro pessoal com Jesus Cristo.

À imagem do ano anterior propomos uma análise do tema em partes, sendo que no decorrer do ano pastoral os jovens serão convidados a refletir sobre dois subtemas fundamentais: I) Acolhendo o Espírito, Faz-te à Missão; II) No encontro com Cristo, Faz-te à Missão. Cada um destes subtemas serão trabalhados nos vários momentos do Plano Anual de Atividades e nos momentos de formação dos grupos, que terão como base de trabalho o Projeto de Formação proposto pelo Conselho Nacional.

Porque “para manter vivo o ardor missionário, é necessária uma decidida confiança no Espírito Santo” (EG, 235) esperamos que ao longo do ano pastoral nos saibamos deixar conduzir pelo Espírito, reconhecendo a sua ação sobre nós para que possamos ter impacto nos demais. Saibamos “ser misteriosamente fecundos” (EG, 235).

Pensa um pouco:

“O cristão acolhedor é um verdadeiro dom para a Igreja, porque a Igreja é Mãe e uma mãe acolhe a vida e a acompanha”

Papa Francisco

Audiência com a Família Vicentina

Vaticano, 15 outubro 2017

Visitas

609492
HojeHoje244
TotalTotal609492